William Townsend, o gigante humilde do Senhor

“Se teu Deus é tão Inteligente assim, porque não fala comigo na minha língua?”

Essa foi a pergunta que William Cameron Townsend ouviu ao chegar ao povo cakchiquel com suas Bíblias escritas em castelhano para os evangelizar em 1917. De fato, por quê? Responder a essa pergunta levou o jovem missionário a se mudar com a esposa para o povo que já conhecia há algum tempo. A intenção era aprender o máximo possível da língua e da cultura para traduzir uma Bíblia que fale ao coração dos cakchiquel.

Dentre as barreiras a serem vencidas, estavam o fato de a língua cakchiquel ser complexa para alguém que está acostumado a pensar e falar em padrões latinos e não possuir alfabeto escrito. Seguindo o conselho de um arqueólogo, Townsend buscou, em sua convivência com os cakchiquel, conhecer mais o intrincado idioma para entender seu método lógico intrínseco. Após anos de esforço e direcionamento do Espírito Santo, William Townsend foi bem sucedido: elaborou o alfabeto e a escrita cakchiquel e, em 1929, uma tradução do Novo Testamento na língua nativa.

O trabalho de traduzir a Bíblia de Townsend não estava livre de dificuldades: além da resistência dos membros de sua missão, que viam a atividade de tradução como absolutamente secundária, o missionário ainda se viu adoecido, necessitando retornar aos Estados Unidos para o devido tratamento. Dessa forma William Townsend iniciou juntamente com L. L. Legters, em 1934 a primeira Wycliffe  Summer School (Escola de Verão Wycliffe) de tradução de Bíblias, que em 10 anos se tornaria a SIL (Summer Institute of Linguistics) e a Wycliffe Bible Translators.

Com o tempo e a amizade com o presidente do México, Lázaro Cárdenas, o trabalho dos tradutores de Townsend ganhou apoio para que mais linguistas fossem enviados a fim de possibilitarem aos povos indígenas do México de terem alfabeto e escrita de suas línguas nativas. O Senhor abençoou Townsend o enviando para se mudar para a Colômbia, além de ter vivido 17 anos no Peru, sempre com a missão de traduzir Bíblias para a língua que fala ao coração do povo a ser alcançado.

Em 1982, veio William Townsend a se encontrar com seu Senhor e Deus, aos 82 anos, após devotar 60 anos da sua vida ao serviço de fazer missões traduzindo Bíblias. Seu nome é conhecido em todo o mundo, sendo ainda intitulado por cinco governos da América Latina “Benfeitor das Populações Linguisticamente isoladas da América”.

Conhecido por seu trabalho árduo e primoroso além de sua humildade, William Townsend deixou como legado as maiores organizações missionárias protestantes  independentes do mundo. Nos anos 2000 se comemorou a 500ª língua traduzida com a ajuda da Wycliffe. O objetivo ainda é ter um projeto de tradução bíblica iniciado em todas as línguas que ainda não o possuem. Honramos a graça de Deus por ter levantado a vida de William Townsend para O servir e mantemos vivo o seu objetivo de levar a palavra de Deus à língua nativa de todos os povos do planeta, para que todos eles O adorem. 

Foto: Cornell Capa, 1962

 

Núcleo Rural Boa Esperança II, Ch 04 Granja do Torto, Brasília – DF
(61) 99590-2044 | 98333-0224
alem@wycliffe.org.br

Orçamento
[contact-form-7 404 "Not Found"]
×
×

Olá!

Plataforma disponível das 9h as 17h

× Precisa de ajuda?